Poeta tocantinense lança livro de poesias em São Luís

Lançamento de A arte e desmantelar calendários e O amor não acende velas de Gilson Cavalcante acontece na livraria Poeme-se no próximo, sábado, 18 de junho, a partir das 17h.

O poeta tocantinense Gilson Cavalcante lança no próximo sábado, dia 18, em São Luís seus livros mais recentes: A arte e desmantelar calendários e O amor não acende velas. Morador de Taquaruçu, Tocantins, Gilson confessa: “nestes livros, eu sangro mais”. Com uso da metalinguagem, seus poemas discorrem sobre o tempo, acúmulos, humor, erotismo, excessos e a infinita busca para completar o vazio existencial.

“Eu só escrevo o que eu vivo. Sempre falo que para fazer poesia, tem que sangrar. Se não sangrar, não é verdadeira a poesia”, comenta o autor, que gosta não só de escrever, mas de declamar os próprios poemas, sendo um slammer do cerrado, com seus vídeos declamando os textos no Instagram. (gicante60)

A arte e desmantelar calendários sai pela Cultivo Projetos Criativos e reúne poemas escritos antes e durante a pandemia. O livro chega para celebrar o momento do autor, que revela que se esforça para fazer uma poesia acessível. “Estou nessa labuta, de fazer a poesia numa linguagem mais gostosa, acessível e que traga uma mensagem boa para quem a lê e tem acesso a ela. Não precisa entender, mas sentir”

Além deste livro, financiado com recursos da Lei Aldir Blanc, Gilson lança em São Luís O amor não acende velas. No início de 2022, o poeta lançou também um disco com suas próprias composições.

Perfil do autor
Gilson Cavalcante é jornalista e poeta com 10 livros publicados, entre eles: 69 Poemas- Dos Lençóis e da Carne, em parceria com Hélverton Baiano, Lâmpadas ao Abismo, Ré/Ínventário da Paisagem, Poemas da Margem Esquerda do Rio de Dentro, O Bordado da Urtiga, Anima Animus – O Decote de Vênus, (2009) e Bonsai de Palavras. Depois de vencer o histórico e concorrido concurso da Bolsa de Publicações Hugo de Carvalho Ramos, em Goiás, em 2011, o poeta recebeu o Troféu Goyazes 2011, no campo da poesia. A honraria é da Academia Goiana de Letras.

Links
https://www.instagram.com/gicante60/ . Para comprar a obra e saber mais sobre o poeta, acesse: www.gilsoncavalcante.com .

LANÇAMENTO DE POESIA
A arte e desmantelar calendários e O amor não acende velas
Gilson Cavalcante
Sábado, dia 18 de junho, às 17h Livraria Poeme-se, Rua do Egito, 166, centro

 

(Com informações da Assessoria)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

DIÁRIO DE BORDO NO JP

Vanessa Serra é jornalista. Ludovicense, filha de rosarienses.

Bacharel em Comunicação Social – habilitação Jornalismo, UFMA; com pós-graduação em Jornalismo Cultural, UFMA.

Atua como colunista cultural, assessora de comunicação, produtora e DJ. Participa da cena cultural do Estado desde meados dos anos 90.

Publica o Diário de Bordo, todas as quintas-feiras, na página 03, JP Turismo – Jornal Pequeno.

É criadora do “Vinil & Poesia” que envolve a realização de feira, saraus e produção fonográfica, tendo lançado a coletânea maranhense em LP Vinil e Poesia – Volume 01, disponível nas plataformas digitais. Projeto original e inovador, vencedor do Prêmio Papete 2020.

Durante a pandemia, criou também o “Alvorada – Paisagens e Memórias Sonoras”, inspirado nas tradições dos folguedos populares e lembranças musicais afetivas. O programa em set 100% vinil, apresentado ao ar livre, acontece nas manhãs de domingo, com transmissões ao vivo pelas redes sociais e Rádio Timbira.

PIX DIÁRIO DE BORDO SLZ
Publicidade

Publicidade
Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Arquivos